Governação nas seis Províncias: Comissão reexamina exigência da Renamo

0
437
views

A EXIGÊNCIA da Renamo de governar as seis províncias onde diz ter ganho nas eleições gerais de 2014 vai ser reexaminada pela comissão mista de preparação do encontro entre o Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, e o líder do principal partido da oposição, Afonso Dhlakama.

O assunto, que constitui o primeiro ponto da agenda do diálogo político, volta a ser apreciado amanhã, quarta-feira, depois das consultas que as partes se comprometeram a realizar durante o dia de hoje.

O facto foi revelado por Jacinto Veloso, porta-voz da sessão de ontem da comissão mista, que durou mais de quatro horas, com pequenas interrupções para dar lugar a consultas e reuniões bilaterais com as duas delegações.

“Pelo tempo que levamos devem ter concluído que não chegamos a conclusões definitivas. Contudo, algum trabalho foi feito, algum trabalho importante. Como sabem, os mediadores, depois de terem trabalhado com as duas delegações, apresentaram uma proposta que foi apreciada na sessão plenária e foram feitas contribuições que levaram à introdução de algumas emendas, algumas alterações ao texto e, neste momento, cada delegação vai pensar, vai reflectir, vai fazer as consultas que achar úteis para que, na próxima sessão, que terá lugar na quarta-feira, se possa examinar, de novo, esse ponto da agenda que diz respeito à governação nas seis províncias”, explicou Veloso.

Segundo a fonte, na sessão de ontem, as delegações do Governo e da Renamo e os mediadores também apreciaram os aspectos técnicos sobre a deslocação da equipa de facilitadores a Gorongosa, província de Sofala, para falarem com Afonso Dhlakama, dentro de um quadro de eficácia e segurança.

“Mais uma vez, queremos dizer que não há anúncios muito espectaculares, mas há trabalho realizado e outro está em curso e esperamos que, com a continuação da ajuda dos mediadores e a boa vontade e compreensão das duas partes, consigamos brevemente dar as boas notícias aos moçambicanos e à comunidade internacional”, indicou.

Refira-se que ao abrigo do entendimento alcançado sexta-feira, a comissão mista deverá produzir um modelo de descentralização a ser submetido à apreciação da Assembleia da República.

Jornal Noticias


Warning: A non-numeric value encountered in /srv/users/noticias/apps/noticias/public/wp-content/themes/ionMag/includes/wp_booster/td_block.php on line 1008

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here