Ataques armados matam agente da Polícia e ferem tripulantes de comboio da Vale em Sofala

0
533
views

Ataques armados matam agente da Polícia e ferem tripulantes de comboio da Vale em Sofala

Um agente da Polícia morreu e dois tripulantes de um comboio de mercadorias da mineradora Vale Moçambique ficaram feridos em dois ataques armados, registados ontem e segunda-feira última. Os ataques deram-se no Posto Administrativo de Inhamitanga, distrito de Cheringoma, na província de Sofala.

De acordo com o Governo provincial, homens armados da Renamo atacaram, cerca das 11 horas de ontem, uma viatura pertencente ao Instituto Nacional de Acção Social (INAS), no Posto Administrativo de Inhamitanga. Depois do ataque, de acordo com o porta-voz do Governo provincial de Sofala, Hélcio Canda, que falava à imprensa no final da 10ª sessão ordinária do Governo provincial, os atacantes incendiaram depois o carro  e mataram um agente da Polícia que se fazia transportar na viatura.

Na viatura incendiada, que fazia o trajecto Caia-Cheringoma, seguiam igualmente dois técnicos do Instituto Nacional de Acção Social e o motorista, que saíram ilesos deste ataque. As vítimas foram socorridas, cerca de duas horas depois, por um contingente das Forcas de Defesa e Segurança. O corpo do agente da Polícia morto e os funcionários do INAS foram depois transportados para o distrito de Caia, de onde haviam partido. A viatura seguia para a Vila Sede do Distrito de Cheringoma e depois para o interior daquele distrito, onde os técnicos do INAS iam prestar assistência a pessoas carenciadas. Aventa-se hipóteses de os atacantes terem levado consigo valores monetários, que seriam entregues aos beneficiários do INAS. Contudo, o Governo provincial afirmou que ainda era prematuro confirmar tal dado.

Ainda em Inhamitanga, homens armados da Renamo, segundo a Polícia, atacaram mais um comboio de mercadoria, pertencente a empresa mineradora Vale Moçambique. O ataque ocorreu na manhã da passada segunda-feira, concretamente na região de Chissadzi, quando o comboio percorria o trajecto Moatize-Beira. De acordo Daniel Macuácua, porta-voz da PRM em Sofala, os homens armados da Renamo, “direccionaram os seus disparos contra a locomotiva, tendo atingido dois tripulantes, nomeadamente o maquinista e um agente de segurança privada, respectivamente nas costas e no braço directo. O comboio continuou o percurso até a vila de  Inhaminga, onde os dois feridos foram socorridos e tratados no hospital local”.

Refira-se que este é o quinto ataque contra comboios de mercadoria da Vale Moçambique registado no mesmo posto administrativo.

Opais

 


Warning: A non-numeric value encountered in /srv/users/noticias/apps/noticias/public/wp-content/themes/ionMag/includes/wp_booster/td_block.php on line 1008

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here